Corpo de Bruno Pereira chega nesta quinta-feira ao Recife

A Polícia Federal afirmou que a perícia feita pelo Instituto Nacional de Criminalística, em Brasília, nos corpos do pernambucano Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips assassinados quando estavam a trabalho na região do Vale do Javari, extremo oeste do Amazonas, na fronteira com o Peru foram finalizadas.

Na tarde de ontem, a PF informou que um avião da autarquia trará o corpo do indigenista recifense, ainda na tarde de hoje (23). Familiares de Bruno confirmaram que a cerimônia de despedida será marcada por um tributo feito por tribos indígenas pernambucanas e acontece nesta sexta-feira (24), às 9h, no cemitério Morada da Paz, em Paulista. Os restos mortais do jornalista britânico serão entregues à família, ainda nesta quinta-feira.

Investigação

“Os trabalhos dos peritos do Instituto Nacional de Criminalística continuarão nos próximos dias concentrados na análise de vestígios diversos do caso”, diz o comunicado. Os peritos também concluíram que eles foram assassinados a tiros: Bruno foi baleado três vezes, na cabeça e no tórax, e Dom uma vez, no peito.

Até o momento, os investigadores identificaram oito suspeitos de envolvimento nos assassinatos: Amarildo da Costa Oliveira, o Pelado, que confessou o crime e indicou o local onde os corpos foram enterrados; o irmão dele, Oseney da Costa de Oliveira, conhecido como Dos Santos; e Jeferson da Silva Lima, conhecido Pelado da Dinha, que se entregou na Delegacia de Atalaia do Norte. Todos os três estão presos temporariamente na delegacia em Atalaia do Norte.

Please follow and like us:

Redacao EJ

Leia mais →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 15 =

Twitter
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
Instagram