Pernambuco tem 2a maior taxa de desemprego do Brasil

O percentual de Pernambuco fica abaixo apenas da Bahia, com 14,4%. No Brasil, o desemprego ficou em 8,8%.

Apesar de o resultado do desemprego em Pernambuco ter queda de 2,9 pontos percentuais em relação ao mesmo período do ano anterior, o estado ocupa a segunda maior taxa de desemprego do Brasil, com 14,1%, no primeiro trimestre deste ano. Pernambuco só perde para Bahia, que atingiu 14,4% da população desempregada.

Dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua divulgada nesta quinta-feira (18) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Estima-se que a população desocupada chegue a 601 mil pessoas, tendo havido uma queda de 123 mil pessoas ou uma retração de 17% em relação ao primeiro trimestre de 2022.

Brasil

A PNAD Contínua do IBGE mostrou ainda que taxa de desocupação do País no primeiro trimestre de 2023 foi de 8,8% – um aumento de 0,9 ponto percentual em relação quarto trimestre de 2022. Na comparação como o mesmo período de 2022, a taxa caiu 2,4 pontos percentuais.

Além da Bahia e de Pernambuco, a lista dos estados com maior desemprego inclui o Amapá, com 12,2%; e Rio Grande do Norte com 12,1%. Em contrapartida, os estados com as menores taxas foram Rondônia, 3,2%; Santa Catarina, 3,8%; e Mato Grosso 4,5%.

*Com informações do IBGE

 

Please follow and like us:

Luciana Leão

Leia mais →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × cinco =

Twitter
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
Instagram