Netflix impulsiona caça a NFTs

Em artigos anteriores, escrevemos que os Tokens não Fungíveis (NFTs) já estão presentes na indústria dos esportes, da música, dos shows, automotiva e, seguem ocupando outros espaços no entretenimento e demais setores da economia.

Na coluna de hoje (24/02), vamos falar sobre os NFTs na indústria do cinema, em particular, de uma experiência na Netflix, com a série “Love, Death and Robots”.

Lançada em 2019, é uma compilação de curtas-metragens de animação para adultos de diversos gêneros. Pode ser ficção científica, fantasia, terror ou comédia. O ponto comum de cada episódio continua sendo seu humor negro e conteúdo explícito.

Além de ser um conteúdo inteligente para adultos_ aí é uma opinião pessoal minha_ agrega junto aos curtos episódios uma caça aos NFTs, o que deixa a série, mais instigante.

Como funciona

Um eastergg se esconderá como um código QR em cada episódio. Essas pistas irão redirecioná-lo para o site LoveDeathandArt.com após escaneá-las.

Uma vez na página, a busca por NFTs começa. Como lembrete, cada código QR oferece uma arte diferente. É possível baixá-los no formato JPEG ou como NFT. Para este último, você terá que pagar taxas de transação para cunhar o token.

A caça ao tesouro

Para ter os nove tokens não fungíveis, será necessário encontrar as respectivas nove pistas (QR secret code) divulgadas através dos episódios da série, redes sociais, outdoors e canais digitais.

Ao encontrar com sucesso o código QR, você pode optar por baixar o arquivo gratuitamente no formato de imagem clássico, JPEG, ou criá-lo na forma de NFT. Um clique com o botão direito do mouse permitirá que você escolha. “A escolha é sua, humano”, afirma a página.

No entanto, você precisará de uma carteira NFT para poder cunhar seus NFTs. Metamask ou Coinbase Wallet serão suficientes para a operação.

Mesmo que a caça e a obtenção da imagem sejam gratuitas, os custos de cunhagem são de sua responsabilidade. Estes são cobrados em Ethereum (ETH).

Inovação em tempo real

O que podemos entender com essa revolução que vem acontecendo, mesmo que no Brasil, ainda de forma menos gradual, com menos velocidade?

Marcas e empresas estão inovando em todas as oportunidades de como usar NFTs para criar interação na vida real. Essa é a realidade do mercado.

A Netflix é um case de sucesso e oferece, desde 2019,  nesta série “Love, Death and Robots” uma caça ao tesouro aos NFTs com pistas espalhadas pelos episódios e pelo mundo físico.

A inovação já chegou.

 

*Everton Cruz é CEO da Mooh!tech, startup franco-brasileira, idealizadora da plataforma Chronus Sports e i-Passport (passaporte digital de monitoramento e prevenção à saúde)

E-mail: cruz.everton@moohtech.com

 

Please follow and like us:

Everton Cruz

Leia mais →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 4 =

Twitter
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
Instagram