Projeto Cidades Inteligentes da ABDI chega a Barreiros

Depois de Petrolina, no sertão pernambucano, a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) entregou os primeiros equipamentos do Living Lab do Projeto Cidades Inteligentes para um piloto na cidade de Barreiros, na Zona da Mata Sul.

A Prefeitura de Barreiros recebeu 10 luminárias inteligentes com 20 câmeras de reconhecimento facial, luz de Led e wi-fi integrado, que foram instaladas na Avenida Aires Belo, a principal da cidade.

“Hoje, Barreiros tem um equipamento de tecnologia que poucas cidades têm. Espera-se que mude a realidade da cidade, que Barreiros possa viver um novo momento em relação à segurança pública. E que seja referência para a região e outras cidades do Pernambuco”, disse o prefeito em exercício, João Marreco.

O sistema inclui ainda um Centro de Comando e Controle, que recebe as informações das luminárias e auxilia na gestão urbana. O projeto inaugurado em Barreiros é de iniciativa da ABDI, com execução realizada em parceria com o Parque Tecnológico de São José dos Campos (SP).

“Esperamos que as luminárias, instaladas na principal rua comercial dos Barreiros, melhore a segurança pública local e a conectividade para as pessoas que transitam pela região”, disse o gerente de Novos Negócios da ABDI, Tiago Faierstein.

Cidades Inteligentes 

O projeto de Cidades Inteligentes da ABDI está aberto a municípios de todo o país e é realizado, sempre, em parceria com as prefeituras e instituições de inovação, como o Parque Tecnológico de São José dos Campos e o Parque Tecnológico Itaipu.

Trata-se de um projeto que tem o objetivo de aplicação de testes de tecnologias. E atua com quatro frentes: 5G; Living Lab; Eletromobilidade; e Segurança Pública para Cidades Inteligentes.

Na frente living lab, que é o caso de Barreiros, o projeto funciona com a instalação de tecnologias de cidades inteligentes em uma área delimitada pela cidade, como uma rua comercial ou uma praça.

A ideia é validar a assertividade das tecnologias em um local controlado antes de estender seu uso para outros pontos da cidade. Neste local, são instalados semáforos, luminárias inteligentes, câmeras de reconhecimento facial e de placas de carros, pontos de ônibus inteligentes (é o caso de Foz do Iguaçu) e um Centro de Comando e Controle, que recebe as informações e auxilia a gestão urbana.

Além de Petrolina e Barreiros, em Pernambuco, a ABDI executa projetos de Cidades Inteligentes nas áreas da segurança pública, conectividade, eletromobilidade, comunicação e tecnologia, nas cidades de Foz do Iguaçu, Londrina e Curitiba, no Paraná; e nas cidades de Francisco Morato (SP), Campina Grande (PB), Pacaraima (RR), Brasília (DF), Salvador (BA), Itabaiana (SE) e Macapá (AM).

Os testes são realizados em áreas sandbox – ambiente voltado para pesquisa e validação de tecnologias -, como preconizado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), e permitem que os municípios usem um espaço delimitado, por meio de decreto municipal, para a validação das tecnologias aplicadas.

A Agência também atua na área de cidades inteligentes e 5G, com o programa Conecta 5G, que permite a realização de testes de aplicação de conectividade da quinta geração móvel, por meio da instalação de luminárias inteligentes com antenas 5G integradas.

 

 

 

Please follow and like us:

Luciana Leão

Leia mais →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 − sete =

Twitter
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
Instagram